Quarta-feira, 28 de Março de 2007
La barraige de Picuote

Andaba hoije a mexer nos mius libros (que bien precísan d'ua arrumadela) i dei cun un librico que yá bai para muito tiempo nun sabie del. Ye O lodo e as estrelas (L lhodo i las streilhas), de Telmo Ferraz, que fui cura de Picuote por alturas de la costruçon de la barraige.

Trata-se d'un pequeinho diário, decumento pungente subre la bida que la giente daquel tiempo.  Nua altura an que la EDP se purpara para ampeçar nuobos trabalhos, bale la pena reler estas páginas, cumo houmenaige a todos aqueilhes que dórun la bida para mos deixar l património qu'hoije eiqui tenemos. I siempre atentos para qu'estas misérias nunca mais de repítan. Eiqui queda un cachico de l libro:

Rodaram meses. (…)

Em todas as noites e em todas as lareiras, velhos e novos falavam da “barraige”.

Todas as portas de todas as casas e adegas se abriram aos homens de camurcina de couro.

Apareceram mais jeeps, mais máquinas e mais gentes.

“El aparece por ende cada angeinho!” dizia um.

“Julguei que nun houbisse tanto artimanho!”, tornava outro.

Um formigueiro de gente começou a invadir tudo.

E “la barraige” começou com fúria… um furor em brasa, alimentado pelo desejo aliciante de lucros fabulosos.

Em poucos meses, uma estrada ligou a aldeia ao local do estaleiro.

Nas encostas rochosas, onde só os zimbros e carrascos conseguem morder a rocha e comer a seiva, começaram a aparecer, quase milagrosamente, casinhas pintadas de verde.

Longe destes, e cheias de medo, começaram a nascer, entre os penedos, barracas, barracas e barracas.



Scrito por António Bárbolo Alves às 00:08
Link de l post | Comentar | Acrecentar als faboritos
|


Saber neste blog
 
Dezembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
13
14
15

17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Últimos posts

Outro blogue

L sabor de las palabras

L cura i la criada

L nino Jasus de la Cartol...

L problema de las lhéngua...

L sermon (ua cunta)

Alguas nomeadas

Quadras populares

Folhetos

L populismo i l pobo

Arquibos

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds